top of page

Trator elétrico será testado no Brasil


Uma das líderes mundiais na produção de máquinas agrícolas, a CNH Industrial, desenvolveu o primeiro protótipo de trator elétrico, conhecido como T4 Electric Power. Carrega a marca New Holland, e terá o modelo comercial estendido à marca Case, outra que pertence à CNH Industrial.


O protótipo é destinado operações menores, possui 120 cv, autonomia de até 8 horas, velocidade máxima de 40 km/h e tração nas quatro rodas. A ideia, no primeiro momento, é produzir de 150 a 200 unidades do modelo e depois testá-los com clientes selecionados nos Estados Unidos, Europa e no Brasil. Para isso, Carlo Lambro, presidente da New Holland

Agriculture, está buscando fazendas para experimentar a tecnologia, que deve estrear comercialmente entre o fim de 2024 e começo de 2025, confira um trecho de sua entrevista à Revista Forbes: “Estamos selecionando algo entre 10 e 15 fazendas no Brasil para, dentro de um ano, um ano e meio, ter o feedback dos clientes. O desafio é validar essa tecnologia e demonstrar aos clientes que, apesar de mais cara, ela traz muitas vantagens”.


Outra grande novidade que o protótipo apresentou durante a primeira edição do Tech Day foi a tecnologia de condução autônoma, que dispensa motorista. As novas soluções são o preparo do solo sem motorista – em inglês, Driverless Tillage -, colheita com assistência ao motorista (Driver Assist Harvest Solutions) e automação de enfardadeiras. “O foco na automação e na autonomia não é tirar os agricultores da agricultura, é tornar suas máquinas mais produtivas com automação funcional”, salientou Parag Garg, diretor-geral de produtos digitais da CNH Industrial.”


Scott Wine, CEO da CNH Industrial, frisou: “Acabamos de ultrapassar 8 bilhões de pessoas no mundo. São muitas bocas para alimentar, e não há muito mais áreas aráveis. Então, nosso foco em trazer a tecnologia para resolver esses problemas é significativo”.

Os preços comerciais do modelo ainda não foram definidos.

WhatsApp.svg.webp
bottom of page