top of page

Governança Corporativa e Compliance em Agronegócio


A Governança Corporativa está relacionada aos processos, costumes, políticas, leis e instituições que são usados para fazer a administração de uma empresa. É o sistema pelo qual as empresas e demais organizações são dirigidas, monitoradas e incentivadas, envolvendo os relacionamentos entre sócios, conselho de administração, diretoria, órgãos de fiscalização e controle e demais partes interessadas.


Em paralelo, o compliance tem relação com a conduta da empresa e sua adequação às normas dos órgãos de regulamentação. Seu significado é, de forma geral, estar em conformidade com leis e regulamentos. Esse conceito abrange todas as políticas, regras, controles internos e externos aos quais a organização precisa se adequar. Por isso, adequando-se ao compliance, suas atividades estarão em plena conformidade com as regras e legislações aplicadas aos seus processos.


A governança corporativa e o compliance podem ajudar o agro em organização societária, planejamento sucessório e gestão de riscos, entre outros pontos. É amplo o campo para avanço da governança no setor. No imaginário popular, o agronegócio no Brasil ainda é restrito a grandes empresas e famílias tradicionais, donas de enormes áreas dedicadas à monocultura de commodities, como a soja, e à pecuária.


Nada mais distante da realidade. O País tem hoje aproximadamente 5 milhões de propriedades rurais, dos quais aproximadamente 4,5 milhões são de pequeno ou médio portes — muitos deles ainda carentes de organização mínima em termos de boas práticas de governança.


O agronegócio é um dos setores mais relevantes que movem a economia nacional e, por isso, é de extrema importância que as atividades do ramo atendam aos padrões de conformidade estabelecidos para garantir a sustentabilidade dos negócios e da cadeia de produção como um todo. Dessa forma, as áreas de compliance e governança corporativa têm conquistado espaços cada vez mais estratégicos dentro das empresas.

No módulo ‘Governança Corporativa e Compliance em Agronegócio’ do MBA Direito do Agronegócio, o aluno aprende sobre o conjunto de processos, costumes, políticas, leis, regulamentos e instituições que regulam a maneira como uma empresa é administrada, com foco nas empresas do agronegócio. Com duração de menos de 1 ano e meio, as aulas são mensais e acontecem aos finais de semana no formato ao vivo, entregando uma experiência 100% digital. Ficou interessado(a)? Clique aqui e saiba mais.

Comentarios


WhatsApp.svg.webp
bottom of page