top of page

Fertilidade, microbiologia e uso do solo


A fertilidade do solo é a capacidade do solo em suprir elementos essenciais às plantas. Para que as plantas se desenvolvam normalmente, alguns fatores são indispensáveis: temperatura, luz, ar, água, nutrientes, etc. Dentro dos nutrientes, carbono (C), hidrogênio (H) e oxigênio (O) são elementos químicos essenciais ao desenvolvimento das plantas, constituindo 90 a 96 % dos tecidos vegetais.


Essa fertilidade é a base para que haja uma boa safra de plantações no país. Quanto mais fértil o solo, mais plantas repletas de nutrientes nascem. No entanto, o ambiente próprio da terra é um local muito complexo, pois existem diversos tipos de microorganismos presentes e conhecê-los é fundamental.


Nesse sentido, a microbiologia do solo é o estudo de organismos vivos no solo, suas funções e como eles afetam as propriedades do solo. Os microrganismos do solo podem ser classificados como bactérias, actinomicetos, fungos, protozoários e vírus. Cada um desses grupos tem características diferentes que definem os organismos e funções diferentes no solo em que vivem.


É importante ressaltar que esses organismos não existem isolados, eles interagem e essas interações influenciam a fertilidade do solo e consequentemente na produtividade da cultura e lucratividade do produtor.


Por isso, a microbiologia do solo exerce um papel fundamental no sucesso das lavouras agrícolas. Os microrganismos atuam na manutenção da fertilidade do solo através da ciclagem de nutrientes influenciando sua disponibilidade, melhorando a estrutura do solo, apoiando o crescimento saudável das plantas e degradando poluentes orgânicos.


Coletivamente, os microrganismos do solo desempenham um papel essencial na decomposição da matéria orgânica, na ciclagem de nutrientes e na fertilização do solo. Quando o solo é pobre em microrganismos ocorre perda nos teores de matéria orgânica, o que representa um sério problema para o sistema agrícola.


No módulo ‘Fertilidade, microbiologia e uso do solo’ do MBA Gestão Estratégica da Pecuária de Corte, o aluno aprende sobre a fertilidade e uso do solo para a pecuária. Com duração de apenas 1 ano e meio, as aulas são mensais e acontecem aos finais de semana no formato ao vivo, entregando uma experiência 100% digital. Ficou interessado(a)? Clique aqui e saiba mais.

Comentários


WhatsApp.svg.webp
bottom of page